“Evangelizar hoje e sempre, sem fronteiras e de todas as formas”
é o nosso maior desejo, pois buscamos cumprir a ordem dada por Jesus:
"Ide pelo mundo e pregai o evangelho a toda criatura” (Mc 16, 15).

Por volta de 1990 formou-se um grupo de oração que se realizava na Capela Nossa Senhora do Pérpétuo Socorro no município de Dracena, do qual o fundador da SIM, Reinaldo de Souza Alguz participava. Depois de um certo tempo Reinaldo iniciou um trabalho com um grupo de oração para jovens que era realizado no domingo à tarde e começou com 12 jovens.

Num curto espaço de tempo este grupo teve que ser transferido para a Igreja Matriz Nossa Senhora Aparecida em virtude da capela não comportar mais a quantidade de jovens, que chegou à aproximadamente 700 jovens.

Diante do grande número de jovens que pediam aconselhamento, orações, direcionamento, Reinaldo colocou-se a rezar pedindo a Deus como orientar estes jovens em virtude da dificuldade de poder atender a todos e, numa oração na Capela do Santíssimo Sacramento, o Senhor colocou em seu coração: “olhe a minha palavra!”

Ao olhar para frente em direção ao Santíssimo Sacramento, viu uma Bíblia e dirigindo-se a ela, a mesma se encontrava aberta na passagem onde Jesus enviava seus discípulos dois à dois (Mc 6, 7), compreendendo em seu coração que o Senhor desejava que fossem formadas outras pessoas, ou seja, o Senhor queria outros discípulos.

Diante deste fato surgiu uma dúvida: como fazer isto?

Foi na busca desta resposta que nasceu um grande projeto de evangelização, responsável pela conversão de inúmeras pessoas em várias cidades.

Quando chegou em casa, Reinaldo se deparou com sua mãe, Lourdes Alguz, que lhe questionou sobre o que poderia fazer com uma apostila que a mesma encontrou ao organizar seus pertences. Tratava-se da apostila do Seminário de Vida no Espírito Santo – Curso Enchei-vos, da Comunidade Shalom de Fortaleza/CE, que lhe tinha sido dada de presente quando participara de um Congresso Nacional da RCC em Aparecida/SP.

Reinaldo então disse à sua mãe que era isto que o Senhor estava dando para realizar a formação dos jovens.

Por volta de 1993, Reinaldo organizou um pequeno grupo de 50 jovens e, iniciou-se o 1º Seminário de Vida no Espírito. Naquele mesmo ano, Dom Victor, bispo da Diocese de Formosa, à época diretor espiritual da RCC, ministrava um encontro em Dracena e Reinaldo apresentou o trabalho que estava sendo realizado com os jovens, onde foi acolhido por Dom Victor que disse que conhecia a apostila do “Curso Enchei-vos” e que era muito boa, além de direcionar vários trabalhos e sanar várias dúvidas colaborando com o trabalho de evangelização.

A partir disso o trabalho de evangelização foi crescendo e com o passar do tempo a organização se fez necessária devido ao alto número de pessoas que procuravam essa formação. Não eram somente jovens e sim várias faixas etárias (adolescentes, adultos, idosos), graças à mudança de vida testemunhada por aqueles que faziam o chamado “Curso Enchei-vos”.

Através do acreditar numa resposta de oração, Deus mais uma vez manifestava a sua misericórdia para com um povo sedento e que buscava encontrá-lo.